Cristo em Nós

Transformação de vida.

Quem morreu para o mundo e decidiu viver com Cristo sabe bem o que estou falando. Não quer dizer que a vida será cheia de flores e apenas momentos bons, mas é saber que em cada prova, ou momentos ruins, teremos dentro de nós a força suficiente para vencer. Cristo venceu a morte e se Ele vive em você, você carrega a maior e mais invencível força que há. Cristo em nós também representa santificação. Para que Ele permaneça em nosso coração é necessário haver comunhão. Já imaginou se o coração abrigasse a Cristo e os pensamentos estivessem totalmente fora desse conceito? Por isso, quando Cristo entra em nossa vida, tudo é transformado. E é isso que precisamos; ter Cristo em nossa vida e deixar que Ele modifique todo o nosso interior. Você verá a diferença!

Cristo em nós representa transformação.

Continue Reading

100 – Hoje é dia de… decisão.

Sabe aquela sensação de estar prestes a presenciar algo que pode mudar tudo, mas você não sabe o que vai acontecer?

Assim como estamos em constante evolução, tudo em nossa vida pode mudar de uma hora pra outra. Uma atitude pode transformar toda uma vida, um fato pode alterar os planos de toda uma história. Não sei se você já sentiu a sensação de que algo está para acontecer naquele momento, mas parece uma pequena ansiedade, que pode parecer inofensiva, mas você sabe que está ali. Mas a verdade é que essa sensação está presente na vida de um povo que está preparado para partir, a qualquer momento. Não sabemos nem o dia e nem a hora em que Jesus voltará para buscar o seu povo, mas sabemos que Ele virá. E por isso essa sensação deve estar presente em nossa vida. Já imaginou como será se tudo aquilo que o “povo cristão” pregou acontecer neste exato momento? Muitos que ainda não abriram seus corações para Cristo, ficariam aqui no mundo, em meio ao caos. Hoje é dia de decisão e se você acompanha estes textinhos que faço, deve saber bem o que estou falando. Em romanos 10:9-10 diz o seguinte: “A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo.Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.”. Se você crê em Cristo, feche seus olhos neste momento e fale com Ele. Diga que crê Nele, em sua volta e que quer ter a experiência de salvação que somente Ele pode dar. Aceite Ele como seu único salvador.

A melhor coisa que eu já fiz foi aceitar Jesus em minha vida. Por isso, sou grato.

Continue Reading

88 – O que estou fazendo aqui?

“As vezes me sinto como se aqui não fosse o meu lugar.”

Já se sentiu deslocado ou como se não pertencesse ao lugar que está? Não estou falando de agora, tá! Porque se está lendo este post, garanto, está no lugar certo (kkk). Mas, sério: já refletiu sobre sua vida em algum momento e pensou “nossa, me sinto como se não pertencesse a este mundo!” ? Bom, eu já passei por este questionamento pessoal. Sabe aquela sensação de estar excluído e que suas ideias não conseguem se adequar às expectativas que possuí? Sim, é algo normal. Pode se dizer que é um vazio dentro de nós. E isso tem tudo a ver com Deus. Em 1 Pedro 1:17 nos fala o seguinte: “E, se invocais por Pai aquele que, sem acepção de pessoas julga segundo a obra de cada um, andai em temor, durante o tempo da vossa peregrinação.”, ou seja, somos peregrinos aqui neste mundo. Viajantes, na jornada que é a vida aqui na terra. Então, o vazio que um dia sentimos ao nos sentir deslocados é a ansiedade por um lar eterno e, quando Deus entra em nossa vida, é como se esse vazio fosse ocupado. Quando Deus faz morada em nossos corações tudo se transforma. Busque a Deus e Ele poderá responder e até te mostrar o que você está fazendo aqui.

Em uma vida com Deus, tudo, tem propósito.

Continue Reading

86 – Se esvazie

Ansiedades, afazeres, planos, projetos, sonhos, vontades, expectativas… ufa! É tanta coisa para se pensar que poderíamos nos perder dentro de nossa própria consciência. Nossa vida é marcada por atividades sob pressão e vigiada por quem está ao nosso redor. Parece ser assustador e, na verdade, é muito assustador mesmo. Mas saiba que, em tudo que está acontecendo ao nosso redor, podemos contar com alguém muito especial. Seu nome é Jesus. O engraçado é que não seria a primeira vez que Ele tomaria para si um grande fardo para nos aliviar, Ele fez isso na cruz. Ele tomou para si o meu e o seu pecado, nos livrou daquele peso quando se doou, quando escolheu morrer para que a gente vivesse. Então, qual é o seu peso? Em 1 Pedro 5:7 está escrito: “Lancem sobre ele toda a sua ansiedade, porque ele tem cuidado de vocês.”. Ele quer cuidar de nossas vidas e direcionar nossos passos, Ele sabe o que é melhor para nós e quer nos dar isso, mas é preciso se esvaziar de todo o nosso eu para que Ele entre, limpe, organize e faça sua vontade que sempre é boa, perfeita e agradável. Se esvazie de si e deixe-o entrar. Coloque diante Dele toda a sua vida e Ele fará coisas grandiosas.

Menos de nós, mais de Deus. Sempre.

Continue Reading

76 – Comunhão para realizar a Obra

Uma das coisas que a gente necessita avaliar a cada dia é a comunhão. O povo de Deus não é um clube, um amontoado de pessoas e muito menos é uma modinha passageira. O povo de Deus é um corpo que há membros diferentes, mas ao mesmo tempo são essenciais para o funcionamento do organismo. O capítulo 4 de Neemias (sugiro muito ler <3) fala sobre o momento que estamos vivendo e claro, fala sobre o assunto do post de hoje: comunhão. Espero mesmo que tenha a curiosidade de ler essa passagem, me fez refletir muito. E, pensando no sentido profético deste capítulo, preciso ressaltar uma parte deste texto bíblico: “Então eu disse aos nobres, aos oficiais e ao restante do povo: “A obra é grande e extensa, e estamos separados, distantes uns dos outros, ao longo do muro. Do lugar de onde ouvirem o som da trombeta, juntem-se a nós ali. Nosso Deus lutará por nós!”. O povo de Deus estava realizando uma grande obra, que muitos criticavam, zombavam e que o inimigo queria destruir. Comunhão é ter em comum, estar em comum. E se não fosse a comunhão que aquele povo tinha uns com os outros, aquela grande obra não teria sido finalizada. É essa a importância da comunhão na igreja hoje. Estamos, juntos, realizando uma grande obra, onde muita coisa tem se levantado para atrapalhar e tentar destruir o nosso trabalho, que é evangelizar sobre Cristo e testemunhar do amor Dele. Precisamos estar em comunhão porque é através dela que Deus fala, age e luta por nós. O som da trombeta, profeticamente falando, aponta para a volta do Senhor Jesus e, estando em comunhão, ouviremos, nos juntaremos e teremos Deus ao nosso lado.
Precisamos estar em comunhão para ouvir o som da trombeta.
Continue Reading

48 – Por que esperar?

Há pessoas que pedem tanto uma coisa pra Deus, que quando recebem, dá tudo errado. Não, não é praga jogada ou coisa assim. É uma coisa simples: falta de preparo. Olhe aí ao seu redor, olhe para os outros, olhe pra dentro de si. Pedimos tanto uma coisa e a ansiedade nos consome tão rapidamente que quando recebemos, não sabemos lidar com ela. “Ahh mas o Senhor foi que me deu, então está tudo certo, é assim mesmo…” Não, não é assim. Como já falamos, Deus muitas vezes não nos dá o que pedimos e sim o que precisamos. Mas aí eu te pergunto: a sua comunhão deixou você perceber se o que você recebeu era mesmo da parte do Senhor? Da mesma forma que há bênçãos e experiências, há provações e lutas. Deus pode provar a sua fé e, se você estiver em comunhão, entenderá o propósito disso. Mas e as lutas? Você entende que lutas são coisas totalmente diferentes das provações quando vê que suas vontades competem com os propósitos do Senhor para a sua vida. A palavra fala que a vontade do Senhor é boa, perfeita e agradável. Será que estamos enxergando a vontade do Senhor no que nos acontece? Daí a importância de esperar. Antes de aceitar o que vem em sua direção, coloque diante de Deus.
Como disse, se você estiver em comunhão, saberá o que é experiência e bênção enviada por Deus.
Continue Reading